YouTube

/ Editor: José Alfredo | Agência Rede PT Ribeirão
Receba nossas notícias pelo Telegram

Arte: Agência Rede PT

YouTube


O YouTube é, sem dúvidas, a plataforma de streaming de vídeos mais popular da internet nos dias de hoje. Isso quer dizer que você e sua campanha não podem ficar de fora do YouTube. Entretanto, para obter resultados nessa plataforma, é essencial ter, em sua equipe de comunicação, um profissional especializado em produção de vídeos.


Como criar um canal no YouTube

O nome e a identidade visual do canal devem ser pensados em sintonia com a identidade da sua campanha. O seu público ainda não conhece o seu canal, então a primeira impressão é a mais importante ao criar um canal para sua candidatura.


Para a criação do nome, pense no seu público-alvo (eleitorado potencial), no slogan ou nas palavras-chave da sua campanha. Crie um nome fácil de ser lembrado (pode ser curto ou com palavras que estejam no cotidiano das pessoas). Importante ressaltar também a disponibilidade do nome. Verifique se o nome escolhido está disponível não só no YouTube, mas também no FaceBook, Twitter, Instagram etc. É legal manter todos os nomes de usuários dos seus perfis de campanha iguais, para se tornar mais fácil de seu público te seguir em todas as redes sociais, e assim, compartilhá-lo.


Para criar o canal, você deve ter uma conta do Google. É recomendável ter uma conta apenas para o canal da sua campanha. Fazer isso também dá mais segurança, tanto para sua conta pessoal, quanto para a campanha, já que existem os riscos de ser invadido, ter a conta excluída etc.


Dicas importantes

Fazendo upload dos seus vídeos – Para fazer uploads dos vídeos, o YouTube facilita bastante. Basta clicar em “enviar”, uma seta para cima localizada no canto superior direito do site, e pronto.

Usar músicas e vídeos no seu vídeo – Vale ressaltar que essa plataforma penaliza bastante quem quebra copyright, então, não use músicas, vídeos, imagens, se você não tem o direito de uso delas. Caso queira colocar uma música, existe uma biblioteca que o YouTube disponibiliza, para você usar nos seus vídeos caso queira (é só seguir as regras que estão na própria faixa, geralmente é colocar quem a fez). No seu caso, o ideal é usar o jingle da sua campanha.

Criando o título para seu vídeo – Escolha um título que chame atenção e esteja sempre vinculado à identidade da sua campanha.

Divulgando o seu canal – Divulgue o link do seu canal no site e nas redes sociais da sua campanha, para aumentar as visualizações e o número de seguidores.

Preenchendo a descrição do seu canal – Faça uma descrição curta da sua candidatura e da proposta do canal.

Mantenha uma periodicidade – A periodicidade talvez seja a mais difícil, mas um pilar que seu canal deve manter. Definir dia e horário para o lançamento de novos vídeos faz com que as pessoas acessem por conta própria. Isso facilita seu trabalho na divulgação e tem menos chances de ser “sabotado” pela plataforma.

Tenha paciência – Você não vai conseguir mil visualizações no primeiro dia (provavelmente nem no primeiro mês). Um bom canal, no início, deve focar na produção de conteúdo relevante para sua campanha, sobretudo no seu programa de governo ou proposta de mandato. Compartilhe com seus amigos, eleitores potenciais, familiares e peça para eles fazerem o mesmo com seus contatos. O crescimento é algo que acontece a passos longos e demorados, mas aproveite para melhorar seu conteúdo, ver o que seu público quer e o que não quer assistir.

Aumente o número de seguidores – O ideal é que sua equipe de comunicação faça uma campanha, convidando seus contatos e eleitorado potencial para visitar o seu canal e ativar as notificações de novos vídeos.


Edição de vídeos direto pelo YouTube

Criou um vídeo legal e quer postá-lo no YouTube, mas ele precisa de alguns retoques antes de ir para o ar? Não se preocupe em ir atrás de editores complicados ou caros para dar uma mexida naquilo que você registrou. Na hora de fazer o upload em sua conta na plataforma, existe a opção de editá-lo ali mesmo.


Transforme trechos de vídeos em Gifs

Quer pegar aquele trecho de um vídeo da sua campanha que você gosta para enviar para o eleitorado e não sabe como fazer isso da maneira mais prática? O mais indicado seria registrar a curta gravação em um GIF. Para facilitar esse processo, o YouTube disponibiliza em alguns vídeos uma opção para registrar um GIF do trecho que você quiser. Para acessá-la, basta ativar o botão “Compartilhar” do vídeo e selecionar a opção “GIF”. Isso abre um editor por meio do qual você pode definir o trecho a ser transformado em imagem animada. Esse é uma maneira de viralizar um conteúdo importante da sua campanha.


Transmissões ao vivo

Para aumentar e engajar sua audiência, além de ampliar a interação com seu público, uma boa opção é criar uma transmissão ao vivo no YouTube.


Segundo o Google, os usuários do YouTube passam quatro vezes mais tempo assistindo a conteúdos ao vivo do que a outros vídeos na plataforma. Além disso, os canais que realizam transmissões ao vivo pelo menos uma vez por semana têm conquistado, em média, um aumento de 40% nas inscrições e de 70% no tempo de exibição do canal. Ou seja, é uma estratégia fundamental dentro do plano de comunicação da sua campanha.


Para transmitir vídeos ao vivo no YouTube, é preciso ter um celular e um bom sinal de internet. Também é preciso: ter uma conta verificada na plataforma; ter, no mínimo, 25 inscritos no canal; e não ter recebido restrições de transmissão ao vivo em sua conta nos últimos 90 dias. Se está tudo certo, então, basta seguir o passo a passo:

Acesse o aplicativo do YouTube e clique no ícone de câmera no menu superior;

No menu que aparecer embaixo, selecione a opção “Transmitir ao vivo”;

Agora é a vez de editar as configurações do seu vídeo. Escolha um título, a câmera que será utilizada (traseira ou frontal) e a privacidade (público, não listado ou privado). Em “Mais opções”, você também pode incluir uma descrição, ativar o bate-papo (onde os seguidores podem deixar mensagens em tempo real), programar uma data e horário para a transmissão, entre outros recursos;

Clique em “Avançar” e selecione uma miniatura para o vídeo. Você pode tirar uma foto para servir como miniatura ou fazer o upload de outra imagem de sua preferência;

Para iniciar a transmissão, selecione “Transmitir ao vivo” e comece sua live;

Ao terminar, clique no “X” no canto superior direito e, em seguida, “Fim”.


Diferencial do YouTube

Além de computadores e smartphones, o YouTube pode ser acessado por Smart TVs com acesso à internet. Isso possibilita ampliar a sua rede de seguidores/as, já que a televisão traz mais conforto aos usuários.


Métricas e monitoramento no YouTube


As principais métricas do YouTube são:

Exibições – Número de pessoas que clicaram no link do seu vídeo e assistiram. Ele não acompanha se os/as usuários/as assistiram ao vídeo inteiro ou não;

Inscritos – Quantidade de usuários que se inscreveram em seu canal. É possível também saber a origem, novas inscrições e inscrições perdidas num determinado período;

Gostei e não gostei – Resposta dos usuários aos seus vídeos com likes e dislikes. Um alto número de likes (gostei) indica que as pessoas estão reagindo bem e lhe ajudará no rankeamento, além de ajudar a sua equipe de comunicação a saber quais conteúdos são mais bem recebidos pelo seu público;

Comentários – É uma forma de entender como está o engajamento de seu público;

Compartilhamentos – Número total de vezes que o vídeo foi compartilhado, em qual rede social que foi compartilhado e a data em que foi compartilhado.


Frequência de postagens no canal do YouTube

O processo de criação de um vídeo pode demorar mais do que os demais conteúdos, o que pode influenciar na quantidade de postagens. O ideal para conseguir influenciar no engajamento do público, no entanto, é manter pelo menos uma postagem semanal fixa. Estabeleça os dias da semana e os horários em que serão publicados novos conteúdos, para que seus seguidores criem o hábito de acessar o seu canal naquela data. Isso também contribuirá para conquistar mais inscritos no canal da sua campanha.


Assista também aos vídeos a seguir, sobre as melhores práticas no YouTube e a integração com estratégia nacional:



Hilário Junior | Introdução Eleições Canais Youtubers e Projeção de Imagens



Hilário Junior | Como manter um Canal (1)



Hilário Junior | Como manter um canal (2)



Hilário Junior | Relacionamento com influenciadores e outras plataformas

---
Secom - Secretaria de Comunicação do PT de Ribeirão Preto Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!