Assista ao programa nacional do Partido dos Trabalhadores

/ Editor: José Alfredo | Agência Rede PT Ribeirão
Receba nossas notícias pelo Telegram
Assista ao programa nacional do Partido dos Trabalhadores

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou as conquistas trabalhistas dos últimos anos e atacou dois temas defendidos pela elite conservadora: o Projeto de Lei 4.330, da terceirização, e a proposta de redução da maioridade penal. Vereadores Jorge Parada e Beto Cangussu falam sobre esses temas

O Programa Nacional do Partido dos Trabalhadores, exibido em 5 de maio, apresentou a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que destacou as conquistas trabalhistas dos últimos anos e atacou dois temas defendidos pela elite conservadora brasileira: o Projeto de Lei 4330, da terceirização, e a proposta de redução da maioridade penal. Os vereadores de Ribeirão Preto, Jorge Parada, presidente do Diretório Municipal do PT, e Beto Cangussu concordam e comentam sobre a participação de Lula e os temas discutidos no Congresso Nacional.

“Estamos plenamente de acordo com o que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva falou. Também não concordo com o projeto de terceirização, pois significa a precarização das relações de trabalho e seria um retrocesso na conquista dos direitos dos trabalhadores”, comenta Parada. “Acredito que a redução da maioridade penal não resolve o problema da criminalidade no País”, acrescenta ele. “O caminho para esses jovens é oferecer educação de qualidade, que possibilite a sua participação na sociedade de forma digna.”

Para Beto Cangussu, a aprovação das duas matérias pela Câmara Federal, capitaneadas pelo seu presidente, o deputado Eduardo Cunha, foi a contrapartida exigida pelo setor empresarial e pela elite conservadora do País, “pelo apoio ‘generoso’ obtido pelo deputado”, tanto na sua eleição no pleito de 2014 como na eleição para a presidência da Câmara. “A aprovação das duas matérias demonstra de forma cabal aquilo que as pesquisas já indicavam: o atual Congresso Nacional é o mais conservador dos últimos tempos, o que deverá levar a uma constante e necessária mobilização da sociedade civil para impedir que retrocessos ocorram em cima dos direitos dos trabalhadores e em cima dos direitos de cidadania conquistados a duras penas pelos movimentos sociais organizados, como são os casos citados pelo presidente Lula”, destaca Cangussu. “Essas aprovações são verdadeiros ‘atentados’ às conquistas dos trabalhadores e à dignidade de nossa juventude, que espera que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) seja cumprido em sua plenitude, em vez de buscarem penalizá-los pela incompetência dos próprios políticos”, finaliza Cangussu.

O programa do PT mostrou, além do depoimento de Lula, pessoas simples do povo falando sobre a melhora do emprego, do salário, da educação e da habitação, além de abordar o tema da corrupção, lembrando que essa prática nunca foi tão combatida no País quanto no período de gestão do PT, desde os dois primeiros governos de Lula, com a criação de vários órgãos novos e pela autonomia plena de investigação da Polícia Federal, com continuidade nas gestões da presidenta Dilma Rousseff.

---
Rede PT Ribeirão Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!