Secretaria Sindical convoca luta contra desmonte da Previdência

/ Por Agência Rede PT Ribeirão

Foto: Adonis Guerra / SAMBC

Secretaria Sindical convoca luta contra desmonte da Previdência

Em nota, secretaria do PT defende que este é o momento de ir às ruas contra retrocessos. Quarta-feira (15) será marcada por atos em todo País

A Secretaria Sindical do Partido dos Trabalhadores convoca a militância a unir forças na luta contra o desmonte da Previdência. Em nota divulgada nesta terça-feira (14), a secretaria defende que esse é “o momento de mais uma vez irmos para as ruas, tomar conta do espaço público para manifestar-se contra o desmonte da Previdência, falsamente chamado de reforma, pois, acaba com a Previdência e fortalece apenas o sistema financeiro”.

 

Nesta quarta-feira, dia 15 de março, as Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo convocam os brasileiros a engajarem-se na luta para barrar o desmonte da Previdência e o fim da aposentadoria. As mobilizações acontecerão em todo o país e, em São Paulo, por exemplo, a concentração será no Masp, a partir das 16h.

 

Leia a nota:

 

“Para retomarmos as transformações do Brasil: a luta pela democracia se faz nas ruas, com luta em defesa dos direitos!

 

A jornada de lutas contra agenda dos golpistas e usurpadores segue. Não à toa, um governo ilegítimo e desesperador segue incorporando a agenda contra os /as trabalhadores/as. O povo paga o “pato” do Golpe!

 

O desmonte ou o fim da Previdência segue tramitando na casa do povo, mas, a frente conservadora parlamentar presente no parlamento não dá trégua, por isso, segue em curso a ofensiva do parlamento golpista contra os direitos da classe trabalhadora.

 

Por isso é o momento de mais uma vez irmos para as ruas, tomar conta do espaço público para manifestar-se contra o desmonte da Previdência, falsamente chamado de reforma, pois, acaba com a Previdência e fortalece apenas o sistema financeiro!

 

O fim da Previdência vai na contramão da vontade popular, da necessidade inclusiva que a nossa democracia requer e que nossa constituição preconiza.

 

Segue em curso mais tema da agenda golpista midiática, busca-se o fim de um direito em troca do aumento de cliente para os bancos. Um acinte golpista, a usurpação no ritmo selvagem da direita rancorosa.

 

O golpe é contra quem acredita num mundo melhor! É hora de seguirmos nas ruas!

 

Desçam os morros e as vielas, cada canto da favela,

Cada canto da floresta,

De cada palafita rumem no trapiche,

De cada trecho do concreto cinza, desçam o asfalto!

Cada canto que se vê espoliado em seus direitos

Agredidos pelo ódio midiático golpista!

Sedento por mais dinheiro e dos direitos do povo!

Marchem às ruas!

 

Não querem apenas o fim da Previdência, querem acabar com seus direitos e sua cidadania!

 

Querem precarizar, tirar direitos para aumentar as desigualdades, ainda que matem o/a trabalhador/a!

 

Não querem que o povo cumpra seu papel, querem uma massa alienada incorporando tudo que aparece imprensa, até morrer surdo sem entender o verdadeiro.

 

O fim da cidadania e dos direitos rumam com a força da ganância imperialista, rentista e golpista.

 

Querem negros/as, jovens, mulheres, apenas como reprodutores de violência, ignorando seu papel transformador e sua capacidade de melhorar a vida!

 

Companheiros e companheiras, o protagonismo sempre foi e continuará sendo nosso, classe trabalhadora!

Não cedermos um centímetro sequer!

 

Desçamos de cada canto de chão batido ou de asfalto esburacado ou derretido!

 

A voz da indignação se faz entre as eleições!

Cobrando e exigindo de cada um/a um pouco de ação cidadã.

A hora de derrotar os desesperados usurpadores e golpistas.

Aventureiros golpistas contra a cidadania, nós os derrotaremos, nas ruas e nas urnas!

A derrota dos golpistas possibilitará a retomada da construção coletiva e da cidadania brasileira!

Abaixo ao viralatismo entreguista!

 

Se é contra seus direitos,

Vamos fazer um novo tempo de transformações, com nosso legado como referência!

 

Nossa herança de transformação pelo dialogo coletivo, será conquistada nas ruas, nos plenários! Em cada cenário de luta política!

 

É na rua que se faz a cidadania!

 

A política é pública, quando o povo está nas ruas cobrando e exigindo novos atores que transformem seus direitos para melhorar as suas vidas.

 

O PT é nosso instrumento de transformação e inclusão, as ruas a nossa arma de luta coletiva e coesa. A unidade da classe trabalhadora se vê em cada ação!

 

Vamos seguir na luta, nas ruas!

 

E como o novo sindicalismo, que defende a classe trabalhadora, sempre preconiza: “Direitos só se ampliam, não recuaremos nenhum milímetro em nossas conquistas!”

 

No dia 15/03/17, teremos mais um momento desta jornada de lutas em defesa de nossas conquistas, contra a perda de direitos que os golpistas querem nos impor.

 

Vamos à luta, companheirada!

Contra o fim da Previdência Social!

Por mais dignidade a (o) trabalhador/a!

Por eleições diretas!

Nenhum direito a menos!

Fora Temer!

 

Indalécio Wanderley Silva

Secretário Sindical Nacional”

---
Rede PT Ribeirão Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!