Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho, do MST em Ribeirão Preto

/ Por Agência Rede PT Ribeirão

Fotos: MST

Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho, do MST em Ribeirão Preto

O objetivo da defensora foi o de conhecer o problema de perto, reunir fotos e depoimentos para a próxima audiência que ocorrerá no dia 14 de fevereiro

Representada pela Defensora Pública Fabiana Galera, nesta última sexta-feira, 03 de fevereiro, a Defensoria Pública da União visitou o Acampamento Paulo Botelho, do MST, em Ribeirão Preto. A DPU, por meio da Dr. Fabiana entrou com o pedido em nome dos acampados e assentados para trazer parte do processo que trata da criação de uma lista pré-classificatória dos candidatos a Reforma Agrária.


O processo foi motivado por uma ação civil pública de autoria do Dr. Pedro Machado, do Ministério Público Federal, em 2014. Na época, o juízo publicou uma liminar exigindo que o Incra cadastrasse todos os possíveis candidatos a Reforma Agrária nos acampamentos e nas cidades. O cadastramento foi realizado em 2015. Depois, foram criadas 14 microrregiões e cadastradas cerca de 14 mil famílias. Entretanto, além de cadastrar, o Incra, por força de liminar, classificou as famílias por critérios puramente socioeconômicos independente: da comunidade/acampamento que cada um faz parte; de morar na cidade ou na luta; separou famílias e praticamente excluiu os jovens e solteiros. Só na região de Ribeirão Preto, 700 famílias foram cadastradas.

 

A lista, na prática é uma grande injustiça. Os acampados logo apelidaram de listão da exclusão, pois nega a possibilidade de terra justamente para quem lutou por ela. É o que está acontecendo no município de Altair-SP, no acampamento Egídio Brunetto. Ali, a terra foi conquistada depois de 6 anos de luta. Não existe mais impedimento judicial e as famílias já estão na área, onde o Incra já foi imitido da posse. Se o listão for aplicado, apenas 9 famílias das 85 que vivem no local serão assentadas.

03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
03-02-2017 | Ribeirão Preto: Defensoria Pública visita Acampamento Paulo Botelho
---
Rede PT Ribeirão, com informações do Blog O Calçadão Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários (1)

Rose Carniel

Sou estudante no terceiro ano em Serviço Social na Universidade Unaerp de Ribeirão Preto. Tenho que apresentar um tabalho sobre movimentos sociais. E escolhi o movimento do MST para minha pesquisa. Estou pesquisando os acampamentos e Assentamentos no entorno de Ribeirão Preto, qual a data de sua conquista das terras, quantos assentados possuem, qual o plantio e produção atual...etc... só conheço um representante aqui, no qual me ajudou com suas informações. queria saber se podem me ajudar com as informações ou contatos de quem pode me ajudar. Preciso de apresentar meu trabalho dia 20/08/2018. Aguardo retorno, obrigada.