Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental

/ Por Agência Rede PT Ribeirão

Foto: Heloisa Ballarini/Secom

Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental

Programa foi apresentado pelo prefeito Fernando Haddad. Em dois anos da ação, 88% dos beneficiários da ação afirmam ter reduzido drasticamente o consumo de crack

O programa De Braços Abertos, ação da Prefeitura de atendimento aos dependentes químicos que se concentram na região da Luz, foi tema de debate nesta sexta-feira (27) no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental. A ação intersetorial, que une saúde, trabalho, acolhimento e alimentação, foi apresentada nesta tarde pelo prefeito Fernando Haddad, em encontro que discutiu cidadania e política de drogas. O congresso acontece até este sábado (28) no campus Indianópolis da Universidade Paulista (Unip).

No evento, Haddad defendeu que um dos diferenciais do programa foi a escuta pelo poder público dos pontos de vista dos dependentes químicos. A própria estruturação das ações foi desenvolvida em parceria com a comunidade do local, entre junho e dezembro de 2013. “O grande mérito do programa é que nós tivemos a atitude de ir lá e conversar com eles sobre a política a ser adotada. Nós tomamos aquelas pessoas como sujeitos, capazes de firmar acordos e entendimentos, e não como párias da sociedade”, afirmou o prefeito.

Com isso, o De Braços Abertos foi baseado no conceito de redução de danos, fazendo com que o dependente químico, com mais dignidade e seus direitos respeitados, deixasse gradativamente o consumo de crack e outras drogas. “Se você amplia o leque de alternativas para as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade, a tendência das pessoas é se afastar daquilo que as faz mal. Por isso a redução de consumo aconteceu. A autoestima das pessoas vai se recuperando gradativamente”, defendeu Haddad.

O resultado é que dois anos após a Prefeitura de São Paulo ter implementado o programa, 88% dos beneficiários da ação afirmam ter reduzido drasticamente o consumo de crack. Os dados fazem parte de uma pesquisa feita por assistentes sociais que atuam junto com os dependentes químicos e mostra ainda que, antes do programa, iniciado em janeiro de 2014, o uso de crack por pessoa era de, em média, 42 pedras por semana, e agora é de 17 pedras, uma queda de 60% entre as pessoas cadastradas.

No debate desta tarde, o prefeito questionou os interesses envolvidos no tráfico de drogas efetuado na região. “Há pessoas que vivem da miséria humana para enriquecer. Infelizmente esta dimensão não é tratada como deveria. Quem ganha com aquilo? Tem alguém ganhando dinheiro ali, não é pouca gente, não é pouco dinheiro. É isso que deveria ser perguntado pela sociedade”, defendeu Haddad.

O encontro também incluiu apresentações sobre o tema de Jessé de Souza, ex-presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, e de Leon Garcia, Secretário Nacional Interino de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça. Acompanharam o encontro Ana Estela Haddad, primeira-dama e coordenadora do programa São Paulo Carinhosa, e os secretários municipais Alexandre Padilha (Saúde) e Benedito Mariano (Segurança Urbana).

 

De Braços Abertos

O programa oferece a dependentes químicos moradia em hotéis, oportunidade em frentes de trabalho e renda, além de alimentação e capacitação. Dos mais de 450 beneficiários, 84,66% estão em tratamento de saúde e 72,75% estão trabalhando. Outro dado importante é que 52,52% dos beneficiários recuperaram o contato com a família, condição importante para a reinserção social do dependente químico. A atuação da Prefeitura também gerou a queda de 1.500 para 300 frequentadores na região conhecida como Cracolândia.

28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
28/05/2016- São Paulo- SP, Brasil- Programa De Braços Abertos é tema de debate no V Congresso Brasileiro de Saúde Mental| Foto: Heloisa Ballarini/ Secom
---
Rede PT Ribeirão, com informações da Prefeitura Municipal de São Paulo
Receba nossas notícias pelo Telegram Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!