Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa

/ Por Agência Rede PT Ribeirão

fotos: Roberto Stuckert Filho/PR - Carol Garcia/GOVBA

Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa

A presidenta destacou as ações humanitárias realizadas pela Marinha em nível nacional e internacional

A presidenta Dilma Rousseff defendeu a manutenção dos investimentos no reaparelhamento das Forças Armadas brasileiras, durante evento de incorporação do Navio Doca Multipropósito Bahia, no porto de Salvador (BA), nesta quarta-feira (6). O navio tem capacidade para transportar tropas anfíbias, conta com heliponto, e  pode atuar em ações humanitárias, como as que a Marinha do Brasil cumpre no Haiti e no Líbano.

 

“Por isso, na proposta da revisão da lei Orçamentária de 2016, incluímos o abatimento de R$ 3,5 bilhões para garantir a continuidade destes projetos”, destacou a presidenta. Entre outros projetos em andamento, ela ressaltou o avião cargueiro KC-390, o satélite geoestacionário de Defesa e Comunicação Estratégica e o Programa de Desenvolvimento de Submarinos, o Prosub.

 

A presidenta foi recebida pelo comandante da Marinha, o Almirante-de-Esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira. Ele fez vários elogios à Força, lembrou a ajuda humanitária durante o episódio do rompimento da barragem em Mariana e citou a missão da Marinha, que é a de proteger o litoral do Brasil, citado como um País rico “de dimensões continentais cuja defesa precisa ser aprimorada continuamente”.

 

               

 

Dilma encerrou seu discurso agradecendo às centenas de manifestantes que foram à Doca para apoiá-la “defendendo a nossa democracia e a constitucionalidade do País”.

 

A presidenta foi recebida sob manifestação popular, com gritos de que "não vai ter golpe" e cartazes contra a tentativa de impeachment. 

 

 

“O navio oferece à Marinha brasileira um instrumento com capacidade de operar tanto na costa brasileira como fora dela em múltiplas missões exigidas pela força naval”, disse o ministro da Defesa, Aldo Rebelo.

 

Segundo o ministro, o NDM Bahia se junta ao KC-390, visitado ontem pela presidenta Dilma, como uma das principais iniciativas para modernizar a estratégia de defesa do País. “O Brasil tem 17 mil quilômetros de fronteiras para proteger, para resguardar a integridade, a inviolabilidade e a unidade do nosso território, tem um espaço aéreo continental que precisa ser vigiado dia e noite”.

 

“No caso da Marinha, são 4,5 milhões de quilômetros quadrados de águas jurisdicionais e nós temos a necessidade de defender essa Amazônia azul”, concluiu Rebelo.

Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
Em Salvador, Dilma lança navio e reafirma R$ 3,5 bi para a Defesa
---
Rede PT Ribeirão, com informações do Blog do Planalto
Receba nossas notícias pelo Telegram Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!