Diretriz Ciência, Tecnologia e Inovação está embasada em 5 eixos

/ Por Agência Rede PT Ribeirão
Diretriz Ciência, Tecnologia e Inovação está embasada em 5 eixos

Participação cidadã e controle social e desenvolvimento sustentável estão entre elas, e prefeito deve incentivar e apoiar investimentos nesta área

Incentivar a ciência, o desenvolvimento tecnológico e as inovações são itens importantes do Programa de Governo Participativo (PGP), do PT, visando à eleição municipal de 2016, que estão abertos à discussão na plataforma Dialoga Ribeirão. Essa diretriz está embasada em cinco eixos:

 

  1. Participação Cidadã e Controle Social;
  2. Desenvolvimento Sustentável;
  3. Gestão Democrática e Eficiente;
  4. Políticas Sociais e de Realização de Direitos; e,
  5. Gestão do Território.

 

No item Participação Cidadã e Controle Social constam que os dados devem ser abertos e com transparência pública, umcompromisso com a ética na política e com os gastos públicos. Para isso, a internet deve ser uma ferramenta indispensável. Ferramentas tecnológicas devem ser usadas no Orçamento Participativo, uma das bandeiras históricas do PT. As consultas públicas devem ser livres pela internet e o prefeito e os vereadores devem criar leis de incentivo à ciência, tecnologia, inovação e empreendedorismo, facilitando parcerias e convênios para receber verbas e fundos disponíveis dos governos estadual e federal.

 

Em Desenvolvimento Sustentável são abordadas as tecnologias para redução de impactos ambientais e a Tecnologia da Informação (TI) verde.

 

Em Gestão Democrática e Eficiente, as abordagens referem-se à informatização e modernização tecnológica; a software livre, com padrões abertos e interoperabilidade; ao fortalecimento da TI pública; e ao governo eletrônico com foco nos direitos do cidadão e cidadã.

 

Em Políticas Sociais e de Realização de Direitos, essas são as abordagens: incremento da dimensão social, inclusão digital, cidade digital, telecentros públicos, política de apoio às LAN houses privadas, ampliação das políticas públicas de tecnologias inclusivas, popularização da ciência, e olimpíada de matemática municipal.

 

Em Gestão do Território, os focos são: novo olhar à dimensão territorial; georreferenciamento e monitoramento do território; e atração e criação de parques de Ciência & Tecnologia no município. Ou seja, o prefeito deveapoiar e financiar criação, instalação e gestão de laboratórios de tecnologias sociais nas universidades, de centros de pesquisa e de centros de documentação e difusão cultural no município para viabilizar um salto de qualidade no aprendizado em todos os níveis.

 

Tânia Fernandez - Coordenadora do GT - Ciências, Tecnologia e Inovação

 

Qualquer pessoa pode se cadastrar, fazer propostas e interagir nos debates do PGP na plataforma Dialoga Ribeirão.

 

Saiba como no tutorial abaixo:

---
Rede PT Ribeirão
Receba nossas notícias pelo Telegram Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto

Comentários

Ainda não há comentários nesta notícia. Seja o primeiro!