-->

#VazaJato terá bomba internacional, antecipa editor do Intercept

O editor-geral do site The Intercept Brasil, Leandro Demari, disse nesta terça (10) que há um “capítulo internacional” da #VazaJato que ainda virá em público.

O jornalista do Intercept participou hoje pela manhã, na Câmara, de um debate sobre os arquivos de conversas entre procuradores da força-tarefa Lava Jato e o ex-juiz Sérgio Moro.
“Existe um capítulo internacional da #VazaJato que ainda não foi aberto”, antecipou o enigmático Demori.
Na reunião que durou 3 horas, os parlamentares da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público tiveram a impressão de que o “capítulo internacional” tem a ver com a participação dos Estados Unidos na força-tarefa de Deltan e Moro. A conferir.
“Existe um capítulo internacional da que ainda não foi aberto” – disse o @demori na audiência pública presidida pelo @RogerioCorreia_ e pelo @BohnGass à qual deveria ter comparecido o covarde @deltanmd
Ver imagem no Twitter

136 pessoas estão falando sobre isso

#DelataDeltan enlouquece as redes sociais nesta terça-feira

A hashtag #DelataDeltan enlouqueceu as redes sociais na tarde desta terça-feira (10). O tag subiu no Twitter, por exemplo, porque o procurador da Lava Jato…

Deltan, cadê você?

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa Lava Jato, não deu o ar da graça na audiência pública na Câmara para discutir os arquivos da #VazaJato.

Sem o moço das palestras, a bancada foi ocupada pelo jornalista Leandro Demori, do Intercept, e pelo jurista Eugênio Aragão, ex-ministro da Justiça.

Após três horas de reunião, os palestrantes chegaram à conclusão de que os jornalistas que publicaram as conversas do Telegram não cometeram nenhuma ilegalidade, pelo contrário, que cumpriram sua função social.

O deputado Rogério Correia (PT-MG), autor da audiência, informou no início dos trabalhados que Deltan fugiu do debate.