-->

Milícias e fuzis: as más companhias de Nabhan Garcia, o homem de Bolsonaro para a reforma agrária

Leonardo Fuhrmann*, no The Intercept Brasil EM JULHO DE 2003, um grupo de fazendeiros do Pontal do Paranapanema, no oeste paulista, resolveu posar para o Jornal Nacional com armas em punho. Eles anunciavam a formação de um ‘centro de treinamentos’ onde se preparavam para resistir às ações do MST. Lula havia chegado ao poder – e, com ele, crescia

Indígenas buscam apoio para discutir futuro da Funai e atendimento à saúde

Por Pedro Calvi / CDHM Os índios, das etnias Tapirapé e Carajá, pediram o apoio da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (CDHM) no debate sobre a Medida Provisória 870 do governo federal que, entre outras medidas passa a Fundação Nacional do Índio (Funai) do Ministério da Justiça, para o Ministério

Novo site do ISA apresenta raio-X de terras indígenas na Amazônia

Parâmetros como invasões, cobertura florestal e estágio de demarcação ancoram sete indicadores para cada Terra Indígena (TI ) analisada No ISA Sistema de indicadores elaborado pelo Instituto Socioambiental lançado nesta segunda-feira (18), dá um panorama da situação das Terras Indígenas (TIs) na Amazônia Legal. O Terras + utiliza informações como presença de invasores ilegais, de

Manifesto pela saída de Ricardo Salles já tem mais de 285 mil assinaturas

Os signatários consideram a condenação do ministro do Meio Ambiente por improbidade administrativa, que entre outras coisas cassou seus direitos políticos Na RBA Um abaixo-assinado criado na plataforma Change.org já tem a assinatura de mais de 285 mil pessoas que querem a saída do ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles. Os signatários entendem que o ministro ocupa o

Área perto de barragem da Vale é evacuada em Nova Lima

Pelo menos 200 pessoas serão retiradas da região da Mina Mar Azul. Segundo os bombeiros e a Vale, medida é preventiva Por Cristiane Silva e Mateus Parreiras, no EM O Corpo de Bombeiros confirmou, na noite deste sábado, a retirada de cerca de 200 pessoas de uma área próxima a uma barragem da Vale em Nova Lima, na

Ministro contraria Ibama, Funai, MPF e Constituição e diz que plantação em área indígena não é ilegal

De Folhapress, no Bem Paraná O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, afirmou neste sábado (16) que a plantação de soja em área indígena embargada que ele visitou na última quarta-feira (13) não é ilegal. A declaração vai de encontro ao que diz o Ibama, o Ministério Público Federal e até o Ministério da Agricultura. “A plantação não

MPF ingressa com ação para suspender licenciamento de UHE que ameaça nova espécie de boto no Araguaia

Impacto direto nas Terras Indígenas Merure, da etnia Bororo, e São Marcos, da etnia Xavante, também são apontados na ação civil pública Ministério Público Federal O Ministério Público Federal em Barra do Garças (MT) ajuizou ação civil pública (ACP) com o objetivo de suspender o processo de licenciamento da Usina Hidrelétrica (UHE) Boaventura, localizada no Rio das Garças, próximo aos

A Sebraelização do Indigenismo na Amazônia Ocidental como estratégia para a mercantilização e a financeirização

Por Lindomar Dias Padilha[1] O presente texto tem por intenção expor alguns apontamentos a serem aprofundados sobre uma leitura, talvez peculiar, que fazemos do processo que estamos chamando de “sebraelização[2] do indigenismo”. Em tempos bicudos quanto os atuais, refletir sobre certos temas é antes de tudo um corajoso exercício de releitura quase exegética. Entretanto, como dito

Samarco é impedida de descontar auxílio financeiro das vítimas de Mariana

A decisão determina ainda que a Fundação Renova notifique todos os beneficiados em 30 dias Jussara Baptista, no Século Diário O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) acatou, na última sexta-feira (8), os fundamentos do agravo de instrumento interposto pelas instituições públicas que atuam na defesa das vítimas do rompimento da barragem de Fundão,

Comunidades Geraizeiras de Vale das Cancelas (MG) se reúnem para dizer NÃO À MINERAÇÃO!

Da CPT Minas Gerais Integrantes das comunidades geraizeiras de Vale das Cancelas, em Minas Gerais, se reuniram para organizar o processo de resistência à implantação da mineradora SAM na região. A empresa já está com um processo de licenciamento no Governo de Minas Gerais e ameaça o território tradicional e as famílias que vivem no local.