-->

Noblat dá invertida em Ricardo Amorim que conspirou sobre bolão de funcionário do PT

Colunista da Veja, Ricardo Noblat, rebateu o comentário feito pelo apresentador Ricardo Amorim, do Manhattan Conection, da GloboNews, que colocou em dúvida a honestidade de funcionários do PT na Câmara vencedores do prêmio da Mega Sena de R$ 120 milhões
Revista Fórum – A vitória do bolão Lula Livre em sorteio da Mega-Sena da última quarta feira (18), garantindo R$ 120 milhões para assessores da Liderança do PT, segue dando o que falar. Nesta sexta-feira (20), o colunista Ricardo Noblat, da Veja, rebateu um comentário feito pelo apresentador Ricardo Amorim, do Manhattan Conection, da GloboNews, que destacava a dificuldade de um bolão ganhar na Loteria.

“Não entendi. Se a cada mais de 50 mihões de apostas na Mega-Sena apenas uma ganha, por que a que ganhou desta vez não poderia ser uma aposta de assessores do PT? Eles não jogaram? Quem joga não pode ganhar?”, respondeu Noblat ao colega de profissão.

No dia anterior, o comandante do Manhattan Connection havia questionado as chances que o grupo de funcionários da Câmara tinha de vencer a Mega. “A probabilidade de ganhar na Mega-Sena é de 1 em 50.063.860. A cada mais de 50 milhões de apostas, apenas uma ganha. E quem ganhou? Um grupo de assessores da liderança do PT na Câmara”, declarou.

Confira a reportagem completa na Revista Fórum.

437 pessoas estão falando sobre isso

Helena Chagas: Demo que preside o Senado foi forçado a emitir nota dura contra Lava Jato. Moro pode pagar o preço

Brasilia DF 02 02 2019 Senador Davi Alcolumbre é eleito presidente do Senado; foto Fabio Rodrigues Pozzebom/Ag BrasilDa RedaçãoÉ possível que o ministro da Justiça Sergio Moro fuja da raia e diga que não sabia de nada.É possível que ele tenha dito ao p…

Gilmar Mendes diz que Lava Jato era jogo de promiscuidade e corrupção; assista


O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, compartilhou um trecho de uma entrevista sua à TV Folha em que ele fala das maracutaias de Deltan Dallagnol e da Lava Jato como um todo.

Ele fala sobre a “monetização” da Lava Jato, e diz que “esse crime tem nome, se chama corrupção”.

Gilmar lembra de Lula está sendo incriminado por ganhar dinheiro com palestras, enquanto Dallagnol “monetizava” as próprias palestras.

O ministro lembrou ainda que a Corregedoria do Ministério Público sabia dos desvios na conduta de Deltan e outros procuradores, mas nada fez. Confira:

A gravidade dos fatos requer um accountability público das práticas dos órgãos de persecução. O exercício ilimitado de poder foi conjugado com falhas nas instâncias correicionais. Somos chamados ao exercício de uma autocrítica profunda.

631 pessoas estão falando sobre isso

Só nos resta aguardar que o Supremo Tribunal Federal aja rápido para corrigir os mal feitos da “República de Curitiba”.
Compartilhe agora!

Bancada do PT no Senado é destaque em premiação de jornalistas

Foto: Roberto Stuckert Filho
O senador Paulo Paim (PT-RS) foi escolhido pelos jornalistas como o parlamentar que melhor representa a população brasileira na 12ª edição do prêmio Congresso em Foco entregue na noite da última quinta-feira (19).
Durante seu discurso, Paim lembrou a proposta de reforma da Previdência em tramitação no Congresso Nacional e demonstrou preocupação com o futuro do País, em especial, com a democracia.
“[A proposta] está no Senado e eu tenho esperança grande que o Senado possa aperfeiçoar o texto. Nós temos a obrigação de olhar para toda a nossa gente, e não permitir que nenhuma reforma que o Congresso venha a aprovar traga prejuízo aos setores mais vulneráveis”, disse.
Na votação dos jornalistas que consagrou Paim, outros senadores da bancada do PT no Senado foram citados. O senador Paulo Rocha (PA) foi o oitavo colocado. O vice-líder do PT no Senado, Rogério Carvalho (SE) ficou em 12º e o senador Jean Paul Prates (RN) em 15º.

Votação do júri

Paim também ficou entre os cinco mais votados para o prêmio de Melhor Senador de 2019 na escolha feita pelo júri do Congresso em Foco.
Na categoria Valorização dos Bancos Públicos o senador Jean Paul Prates foi um dos cinco mais votados. Jean Paul foi o único parlamentar da bancada federal potiguar entre os vencedores.
“Obrigado ao povo potiguar pela confiança, obrigado a todos e todas pelo apoio e, em especial, obrigado à militância do partido ao qual tenho a alegria de pertencer”, agradeceu, em seu perfil no Twitter.

Votação popular

Paulo Paim foi o terceiro parlamentar mais lembrado pela população na categoria Melhores Senadores. O senador Jean Paul Prates foi o sétimo mais votado, com o senador Paulo Rocha na sequência (8º). Já o senador Rogério Carvalho foi o décimo colocado nessa categoria.
Agradeço o Congresso em Foco pelo prêmio. Fui escolhido pela imprensa o melhor senador da República. A minha luta é de todos, é do povo brasileiro, é do Brasil. Sigo em frente com a certeza de que é preciso, cada vez mais, esperançar. Com a democracia tudo, sem a democracia nada.

724 pessoas estão falando sobre isso

A 7² colocação como melhor senador do país, além de motivo de alegria, reforça o compromisso em continuar defendendo as bandeiras da defesa da educação, da democracia, dos direitos humanos, da soberania nacional, das empresas públicas do país e do desenvolvimento sustentável.
Obrigado ao povo potiguar pela confiança, obrigado a todos/as pelo apoio e, em especial, obrigado à militância do partido ao qual tenho a alegria de pertencer, que é o Partido dos Trabalhadores.

Veja outros Tweets de Jean Paul Prates

Do PT