-->

Moro é mentiroso ou criminoso? _+_+_O curso de comunicação do Barão de Itararé



Altamiro Borges



________________+++++++___________


O curso de comunicação do Barão de Itararé



No dias 29, 30 e 31 de julho, o Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé reuniu mais de 60 pessoas, oriundas de 13 estados do país, para discutir estratégias de comunicação sob o governo Bolsonaro. Realizado na sede da entidade, em São Paulo, o IV Curso Nacional de Comunicação reuniu lideranças políticas e de movimentos, além de referências de áreas como economia, juventude, Internet, mundo do trabalho e, claro, comunicação, totalizando três dias de debates com um público formado por jornalistas, profissionais de comunicação do mundo sindical, midiativistas e estudantes.

Um dos resultados da experiência foi a decisão, por parte da diretoria da entidade, de tornar o curso anual. As duas primeiras edições ocorreram em 2013, a terceira em 2018 e a quarta, agora, em 2019. Com o intuito de oferecer uma sólida formação para comunicadores do campo progressista, um dos principais eixos de atuação do Barão de Itararé, a direção da entidade acredita que, dada a importância estratégica da comunicação e o aguçamento da batalha de ideias na sociedade, a realização anual do curso é uma contribuição fundamental do Barão de Itararé para a luta em defesa da democracia e dos direitos.

Além do auditório lotado, o Barão também ofereceu, pela primeira vez, o curso à distância. A íntegra do evento foi transmitida ao vivo para os inscritos na modalidade streaming, com direito a perguntas e interação em tempo real. Ao fim dos trabalhos, todos os participantes preencheram formulários de avaliação do curso, para que o Barão possa absorver críticas, elogios e sugestões a fim de aperfeiçoar o curso.

Na parte da repercussão, os próprios participantes somaram-se à cobertura colaborativa do curso. Os estagiários do Brasil de Fato que participaram do curso produziram matérias sobre as mesas, enquanto os jornalistas do Sindicato dos Servidores da Fazenda do Estado da Bahia (Sindsefaz) produziram vídeos e entrevistas com os palestrantes. Confira:




Deixe um comentário

Receba nossas notícias pelo Telegram

Seja Companheiro, faça sua doação ao PT de Ribeirão Preto